Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Jejum e excel

por titi, em 26.04.13

Vou dizer-vos uma coisa: estar sem comer e passar várias horas no computador a fazer um trabalho que envolve excel é uma combinação espectacular.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Cravo e bichos da seda

por kika_70, em 26.04.13

Ontem quando se foi deitar, o meu mai novo, matutou na ideia de que queria um cravo vermelho.

Porque não mo disse mais cedo? Tinha-lo oferecido de bom grado! É bom que perceba o seu simbolismo, que não entendo porque há-de ter uma dupla conotação.

E ainda dentro da botânica e do mundo animal, informo-vos que tenho um viveiro de bichos da seda. Um já faleceu...era muito piqueno, tinha o nome de "tiniwini" e o zm ficou abalado e pensou mesmo em fazer-lhe um funeral digno. Dormem anexos à almofada e devoram folhas da amoreira à maluca. Vou ódiar quando sairem aquelas nojentas borboletas!

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

O dia em que a Titi mudou dramaticamente o curso da música popular brasileira

por titi, em 26.04.13

Na semana passada fui com o meu esposo à Casa da Música assistir ao concerto da Adriana Calcanhotto. É capaz de ter sido o melhor dos para aí dez concertos dela a que já fui. Além de a ''artista'' estar muito mais bonita e graciosa do que alguma vez antes (o que hei-de fazer, achei piada a isso), cada lindíssima canção deste revisitar de carreira me despertou milhares de recordações, algumas disparatadas, outras embaraçosas mas todas boa e passei o concerto todo com vontade de rir. Ou a sorrir.

Como não vem a propósito desfiar aqui recordações pessoalíssimas, vou só contar um episódio giro: desde que comecei a ouvir as canções da Adriana (lembro-me como se fosse agora da primeira que ouvi, onde estava, a fazer o quê, foi na TSF (!!) nos idos de 2001) e a acompanhar as entrevistas que ela ia dando, por cá e no Brasil, fiquei a congeminar que havia certa afinidade entre as letras e os interesses dela e a poesia do Alexandre O'Neill, que eu adorava. Vai daí, para um dos primeiros concertos a que fui muni-me do meu precioso exemplar das Poesias Completas, no fim do concerto espetei-me na fila para os pedidos de autógrafo e, quando chegou a minha vez, disse que tinha muito gosto em lhe oferecer aquele livro e que esperava que ela gostasse. ''Alêxandre Ôniu, não conheço, vou ler''. Foi cortês, simpática até. Eu segui para a minha vida e nunca mais pensei no assunto. Até três anos depois, no disco Partimpim, aparecer isto

Poema Alexandre O´Neill, Musica Alain Oulman.

Claro que a Adriana pode ter chegado à canção por ouvir a versão que a Amália cantou mas nas entrevistas e em concertos posteriores falou tantas vezes e com tanto entusiasmo do seu encontro com a poesia do O'Neill que eu escolhi ficar a acreditar na minha decisiva influência no curso na música popular brasileira. Porreiro, ahn?

Autoria e outros dados (tags, etc)

Primeiro dia de praia

por Checa, em 25.04.13
Ahhhhh que saudades.
Estava-se ma-ra-vi-lho-sa-men-te!
O meu filho no seu estado habitual: no ar...

Autoria e outros dados (tags, etc)

Gafe

por Checa, em 24.04.13
Hoje a minha chefe queria dizer "posso tirar uma cópia?" mas o que lhe saiu foi "posso tirar um macaco?".
AHAHAHAH!

Autoria e outros dados (tags, etc)

Parabéns a você - preparativos

por titi, em 24.04.13

Lá por casa, avizinha-se um aniversário e já andamos em grande azáfama com os preparativos. Principalmente o aniversariante..

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Maratonas da manhã

por kika_70, em 24.04.13

Já vos tinha dito que ultimamente galgo pela cidade num exercício matutino que me dá algum gozo. Artilho-me com uns sapatos cómodos num misto de casual adaptado ao pseudo-formalismo de ferroviária  e penduro os fones. Lá vou eu… É frequente rir-me sozinha com as galhofadas do Ricardo Araújo Pereira ou do Markl. Chego ao trabalho esbaforida, depois de palmilhar a cidade, mas com sentido de missão cumprida: contabilizo logo as hipotéticas calorias que terei assassinado.

O meu trajeto alterna a Av. da República com Av. Almirante Reis. Dois eixos extruturantes da cidade e em tudo antagónicos. Desde logo, a fauna. Na primeira, os clássicos espécimes ilustrativos do sector terciário – nada a dizer…- na segunda o melting pot étnico e cultural que exemplifica como a nossa cidade também se aculturou a vivências tão díspares. À medida que descemos a profusão ganha dimensão e o clímax acontece no Martim Moniz, no Centro Comercial da Mouraria, esse templo do exotismo. (Titi, ainda te lembras quando percorríamos as lojas de revenda?...) Bom, mas se a Mouraria é uma espécie de catedral, o Rossio é a basílica da diversidade. A concentração por metro quadrado de amostras do continente africano é bem representativa. Vão surgindo pela manhã e por ali se fixam em grandes tertúlias mesmo à frente do Teatro. Adoro observar. Acho tão curioso que estas gentes se fixem na nossa Lisboa. Somos uma cidade cada vez mais cosmopolita, é verdade. 

Mas neste roteiro, o que me custa observar é o crescente número de sem abrigos. Gente perdida e sem réstia de dignidade, acamada em caixotes e sacos, sacudidos para os cantos. E penso sempre, mas sempre mesmo, que esta gente desafortunada teve certamente uma vida. Nesta observação, vem-me à cabeça o “Ai aguentam aguentam”…Sim, de facto, se pelos infortúnios inelutáveis desta vida, nos fosse suprimido o valor primordial da dignidade humana, pois com certeza que aguentaríamos, já sem capacidade de luta, vencidos, e entregues a um incondicional estado miserável de exclusão.  

Enfim, nestas minhas caminhadas lá vou refletindo sobre temas diversos, desde as camas que ficaram por fazer e do que faço ao jantar, até às questões mais metafísicas que me despertem outros níveis de consciência.

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Gostos, enfim...

por Checa, em 24.04.13

Tenho uma quase obsessão por mapas.

Se pensar bem tenho um na casa de banho, um em cada quarto dos meus filhos e mesmo assim ando sempre à procura de mais um.

Eis os que me despertaram curiosidade:

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Mulher mesmo à beira de um ataque de nervos

por titi, em 23.04.13

O meu computador chegou hoje. Recém-formatadinho, limpinho, rapidinho.

E o Windows que o rapaz me instalou está a deixar-me à beira da loucura. Isso e o facto de no último backup não ter incluido ficheiros com cenas essenciais como, por exemplo, informação já compilada para fazer o IRS.

O SAPO aceita palavrões nos blogs?

Autoria e outros dados (tags, etc)

Kika_70

por titi, em 18.04.13

A pôr os amigos bem dispostos desde 1975 (pelo menos a esta).

Obrigada!

Autoria e outros dados (tags, etc)



calendário

Abril 2013

D S T Q Q S S
123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
282930


Arquivos

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D




Pesquisa

Pesquisar no Blog  

Who's among us?




Arquivos

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D