Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Faz-me impressão o trabalho, a inércia faz-me mal

por titi, em 08.03.13

Andei a re-ouvir CDs dos GNR para fazer uma compilação para os meus filhos que só conheciam as Dunas e vão adorar outras. Já não me lembrava de quão espectaculares são algumas músicas deles (as antigas).

Esta é das melhores.

Faz-me impressão o trabalho, a inércia faz-me mal é lindo!

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Capitão Gancho apara a melena

por titi, em 07.03.13

O meu pequenino foi cortar o cabelo.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Por mérito próprio

por Checa, em 07.03.13

Fico tão contente quando a vida acaba por recompensar as pessoas genuinamente bem formadas.

No fim-de-semana estive com um querido amigo, das melhores pessoas que conheço (sempre achei que o facto de ter sido escoteiro contribuiu imenso para a sua boa onda) e fiquei tão feliz por saber que, mesmo não tendo cartão de partido algum, ocupa agora um lugar de destaque no nosso panorama governativo.

Fiquei duplamente contente por saber que o país não está exclusivamente entregue a boys e que as pessoas competentes e bem formadas conseguem ter sucesso mesmo sem recorrer a cunhas.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Paranóias e fobias

por samicas, em 07.03.13

Paranóias e fobias quem as não tem?

É um desafio que lanço a vocês amigas do blog...

 

Pois eu tenho algumas e aqui vão.

 

Fobia principal: não suporto agulhas e lâminas. Terror, pânico completamente irracional se tenho que levar uma vacina ou tirar sangue... Desde sempre. Houve duas excepções na minha vida: durante as duas gravidezes! Choro e grito... Uma autêntica vergonha que, mais tarde me faz dar gargalhadas (que figuras!). Óbvio que me proporcionam muitos momentos infelizes, delicados e muitas vezes complicados... Nem todos os médicos e enfermeiros têm pachorra para pessoas como eu. Tenho muitas histórias sobre este assunto (ficam para outros posts).

 

Paranóias: arrumações de vários tipos. Todos os objectos postos de determinada maneira, numa estante. Roupa interior por cores. Camisas por cores. Toalhas alinhadas (no roupeiro e no toalheiro). Molas da roupa todas de madeira. Cabides todos iguais (agora tenho uns diferentes e faz-me impressão!!!). Brinquedos arrumados por temas. Enfim, um mundo...

 

Acham que devo ir ao psicólogo? Ao psiquiatra?

Autoria e outros dados (tags, etc)

Lógica

por samicas, em 06.03.13

Conversa no carro com o meu filho G., depois da escola:

- Então G., como correu o teste de português?

- Muito bem...

- Então e o que é que saiu?

- Não me lembro... (responde sempre assim quando lhe pergunto que assuntos falaram na aula)

- Como não te lembras? Foi há tão poucas horas... Que memória... Então também não te deves lembrar o que foi o pequeno-almoço hoje, que foi há mais horas...

- Isso é que lembro!

- Como é possível?

- Porque o pequeno-almoço é mais importante!

- Mais importante????? (escandalizada!)

- Claro! Comer é mais importante do que os testes... Não posso ficar sem comer... mas posso ficar sem testes... não acontece nada!

 

Lógico!

Autoria e outros dados (tags, etc)

Desporto

por chicafestarola, em 06.03.13

É um orgulho ter os filhos a jogar nos federados: ela a jogar volley e ele futebol, no campeonato regional e depois nacional.

As mães e pais lá vão todos os jogos (ou quase todos) torçer pelo filhos, fazer claque (isso só algumas mães..eu incluída), com musicas e tudo.

É muito giro!

Os fins-de-semana é que nao dão p/ nada, passam a correr.

Mas é uma alegria vê-los viver estes momentos com espírito de equipa e de amizade.

Não me lembro da minha escola entrar nestas coisas...tenho pena. 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Presentes

por titi, em 06.03.13

Anteontem tivemos direito a este cabaz de presentes. Fiquei tão contente!

Autoria e outros dados (tags, etc)

Isto é um mealheiro, não é uma caixa de esmolas

por titi, em 06.03.13

Depois de termos sido miseravelmente despojados do iPad cá de casa, resolvi plantar na cozinha esta garrafa para nela amealharmos as moedas de 1 e 2 euros que tivermos na carteira ao fim de cada dia. Tenho um amigo que, desta maneira, juntou rapidamente dinheiro suficiente para comprar um computador novo.

O meu propósito principal era, além de amealhar suavemente o dinheiro necessário para substituir o iPad roubado, que os miúdos sentissem que é preciso ser paciente e esperar até se adquirir um objecto cobiçado, que sentissem a importância do desejo e da espera pela sua satisfação, que jamais julgassem que a aquisição seja do que for é fácil, que é normal ter coisas, coisas, coisas, que é natural instantaneamente aparecer um iPad novo para substituir aquele que já não se tem.

Não contava é que as visitas (só as da família, vá lá) aquando da visita guiada que o A. a todos faz até à garrafa, se sentissem obrigadas a lá depositar uma ou mais moedinhas.

Não garanto é que quando a garrafa estiver cheia eu, na qualidade de rainha da família, não tome a iniciativa de desviar a verba acumulada para fazermos uma viagem os quatro. Fui eu que me lembre de juntar assim para um iPad mas uma viagenzinha a uma capital europeia parece-me um propósito tão mais nobre...

Autoria e outros dados (tags, etc)

Indiferença

por Checa, em 06.03.13

Revoltam-me* as pessoas indiferentes.

Não vão a manifestações, apesar de passarem a vida a reclamar do governo e de como andam a ser roubadas.

Não querem saber o que se passa noutros países, são realidades muito diferentes da nossa.

Não vão a funerais porque lhes faz muita impressão (haverá alguém que tire especial prazer em presenciar uma cerimónia destas?!).

Ficam to-tal-men-te indiferentes quando passam por algum pedinte e ainda são capazes de criticar por alguém se sensibilizar e contribuir com uma moeda (“aposto que vai já gastar em vinho”).

Não se envolvem em campanhas de solidariedade porque acham que o governo tem obrigação de resolver todos os problemas da sociedade (“então os impostos são para quê?”).

Não se dão, não se entregam, não se preocupam com nada além dos umbigos do seu núcleo mais chegado.

Terão noção da arbitrariedade da vida? De que tudo pode estar bem e num segundo…

* Indignam-me, desassossegam-me, perturbam-me, repugnam-me

Autoria e outros dados (tags, etc)

Vai uma ajudinha?

por Checa, em 05.03.13
Ser atendida por um homem numa loja de roupa interior já é mau mas ouvir uma voz masculina, do outro lado do provador, a perguntar se fica bem ou precisa de outro tamanho, é completamente sinistro!

Autoria e outros dados (tags, etc)



calendário

Março 2013

D S T Q Q S S
12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31


Arquivos

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D




Pesquisa

Pesquisar no Blog  



Arquivos

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D